Encontro reúne fãs de Harry Potter




Varinhas, vassoura, Mapa do Maroto e outros itens mágicos deixaram mais divertido o dia dos fãs do famoso menino-bruxo. O “Encontro de Fãs Harry Potter” reuniu jovens e adultos que gostam da série de livros que conquistou admiradores tanto na literatura quanto no cinema. O evento ocorreu na loja Billy Willy, em Araranguá (SC), no sábado, dia 12.











Quem passou por lá, conferiu uma exposição com livros, filmes, quadros, pôsteres, embalagens de doces presentes na série – como Sapo de Chocolate e Feijõezinhos de Todos os Sabores – de colecionadores, cedidos pela Lojas Fátima e da própria loja.

Um dos pontos altos foi a realização do Quiz Premiado, cujo prêmio foi o novo livro da saga, “Harry Potter e a Criança Amaldiçoada”.  A Lojas Fátima foi parceira nessa premiação. Além dessa disputa, o vencedor do Duelo de Magia levou dois ingressos para assistir “Animais Fantásticos e Onde Habitam”. Já o prêmio foi possível em virtude da parceria com o Arcoplex Cinemas.





Vencedor do Quiz, o costureiro Alex de Medeiros Almeida começou a gostar do universo de Harry Potter primeiro pelos filmes. E apesar de “Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban” ser sua trama preferida, já que apresenta personagens como Remo Lupin e Siris Black, antigos amigos dos pais do bruxo, o jovem prefere o temido – e não tão popular entre os alunos de Hogwarts - professor Severo Snape, na visão dele, uma figura bem construída dentro da série.

Para o rapaz, o aspecto “fantástico” da saga e a união com situações da vida cotidiana atraem o público. “É um mundo lúdico, ‘te’ transporta do real até o mundo mágico”, explica.






 Já a vencedora do Duelo, a estudante de Design de Moda do IFSC, Anna Luiza Rios, é fãs desde criança da série. “Acho que por ter magia, envolver criaturas místicas e por não ser forçado”, ressalta a garota, que elegeu o “Cálice de Fogo” como sua história favorita.

A irmã de Anna, a estudante Anna Laura Rios, também gosta da série, muito por influência de Luiza. "Não era uma coisa comum ter um filme com feitiços, algo que não é do dia a dia”, conta a garota, lembrando da época que começou se interessar pelo menino-bruxo.
















O proprietário da loja, Murilo Cechinel da Silva, explica que o evento foi criado exatamente por perceberem que havia muitos fãs da história não só na cidade, mas na região sul também, além de ser uma trama que a equipe da loja também gosta. Pessoas de Criciúma, Sombrio e outros municípios passaram por lá no dia. Outros eventos temáticos estão sendo planejados, segundo a também proprietária Marciele Teixeira.




*Texto e fotos: Vanessa Irizaga.



Compartilhe no Google +

Sobre Vanessa Irizaga

O autor desta postagem é um dos escritores do site Mistura Alternativa. Gostou? Comente abaixo.