Séries

Post Page Advertisement [Top]

Fotos: Lucasfilm/Disney.
No quarto episódio da série "O Livro de Boba Fett", temos novos flashbacks, com destaque para a relação que o filho de Jango (Temuera Morrison) e Fennec Shand (Ming-Na Wen) vão construindo ao longo da história. 

Para quem não viu "The Mandalorian", Boba achou a guerreira gravemente ferida e deixada para morrer, após um jovem mercenário atirar nela e resolver trair Mando (Pedro Pascal), com quem havia feito uma parceria. Inclusive ouvimos brevemente a música tema da outra produção quando Fett vê um facho de luz vindo de uma moto speeder. 

O guerreiro leva Fennec para um homem que realiza modificações cibernéticas no intuito de salvá-la e, no local, encontra um grupo de jovens semelhante ao que vimos no terceiro capítulo, mostrando que não era a primeira vez que o caçador de recompensas havia conhecido mods, pessoas com as tais alterações tecnológicas.

Quando a guerreira acorda, o Senhor do Crime propõe um acordo: a moça o ajuda a recuperar sua nave e estará com a dívida de vida paga depois disso. O veículo estava no Palácio do Jabba The Hut, naquele momento sob o comando de Bib Fortuna. O combatente quer a máquina para recuperar sua armadura, ir atrás de vingança contra o bando que matou seus amigos do Povo da Areia e liderar o submundo do crime, para tornar a realidade do trabalho dos caçadores mais justa e melhor.

Após recuperar a nave, Boba e Fennec vão até o poço de Sarlacc para encontrar o traje; numa cena com um bom jump scare, o monstro tenta engolir o veículo, e quem salva o dia, ou melhor, aperta o botão certo, é a mais nova aliada de Fett, que resolve se tornar realmente parte da equipe do guerreiro. 

Voltado ao presente, Boba tenta reorganizar o grupo de caçadores de recompensas de Tatooine, mas a tarefa não será fácil, visto que entre eles há muitas desavenças e a desconfiança mútua paira no ar. Fett quer ajuda dos mercenários para lutar contra o Sindicato Pyke, clã de contrabando de especiarias que deseja tomar o vácuo de poder deixado por Jabba e Fortuna.

O problema é que os caçadores não estão dispostos a entrar na luta, já que, teoricamente, seus territórios não estão sendo ameaçados. Assim, o Senhor do Crime pede para que, pelo menos, eles se mantenham neutros no conflito. 

Não acreditando, obviamente, nos demais líderes, agora o filho de Jango precisa arrumar um Exército antes da guerra chegar até ele. Gostei desse episódio, que possui um bom ritmo e destaque para a dinâmica Fett/Fennec. 
Agora, convenhamos: se não houver uma revelação envolvendo a gerente da cantina de Mos Eisley será um desperdício, visto que Madame Garsa (Jennifer Beals) é um personagem interessante e que não está tendo um desenvolvimento adequado.

E chamar uma atriz como ela para ser uma mera coadjuvante é uma mancada, ao meu ver. Garsa poderia ser revelada como a vilã por trás da teia de intrigas que estamos vendo na série, e seria um bom uso da personagem.

Outro ponto que poderia ser interessante e não seria um fan service gratuito é a participação de algum personagem conhecido do vasto universo de Star Wars ou até de "The Mandalorian", já que Fett precisa de lutadores. Que venha o episódio 5! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bottom Ad [Post Page]

| Designed by Vinícius Irizaga