Full width home advertisement

Arte

Emprego

Post Page Advertisement [Top]

Sair da adolescência e encarar a vida adulta é uma aventura cheia de desafios. E lutas, muitas lutas, se você for Scott Pilgrim (Michael Cera)! O rapaz é um carinha normal, quase sem graça, mas que possui uma super força e aprende, a cada novo round, as verdadeiras lições do amadurecimento. Tudo isso, porém, como se ele estivesse num grande videogame ou numa HQ, tendo que acertar para avançar de fase ou chegar ao final da história.

“Scott Pilgrim Contra o Mundo” é dirigido por Edgar Wright e é baseado nos quadrinhos de Bryan Lee O’malley. O filme pode ser visto na Netflix. No longa, nosso herói é músico, tem amigos, namorada, mas parece viver sem dar o real valor ao que tem ou sentir o que vivencia. Até a chegada da misteriosa Ramona Flowers (Mary Elizabeth Winstead) – estilosa, interessante, independente e cheia de certezas, tudo o que ele nao é.

Daí em diante, ele fica obcecado pela garota, até que consegue um encontro. Os dois ficam juntos, mas nem tudo são flores: além do rapaz não ser sincero com ela – afinal, ele tem namorada – sete problemas surgem no caminho do jovem: os ex-namorados de Ramona, cada um com personalidade egocêntrica e muitas esquisitices.

Os embates entre Scott e os rivais lembram muito os games – com direito a replay dos golpes, efeitos visuais que remetem a Street Fighter ou Mortal Kombat, e aqueles diálogos bregas de vilões malvadíssimos – SQN! – que entregam o plano ou exaltam sua superioridade com falsa modéstia.

Menções honrosas aos atores Chris Evans e Brie Larson, o Capitão América e a Capitã Marvel do cinema, como vilões do longa muito hilários e cafonas – ele como o galã egocêntrico, e ela como a Bad Girl Pop Star. Temos também Brandon Routh, o Clark Kent de “Superman – O Retorno”, como um dos ex-namorados malvados, muito bem também na comédia.

Por fim, além de confrontar os inimigos, Scott precisa realizar a autocrítica, percebendo o que ele tem deixado para trás, e o quanto seus atos ou sua falta de ação tem dificultado sua existência e impactado a vida de outras pessoas. Só assim ele pode vencer. Já viu o filme? Gostou? Conte pra gente nos comentários! Fique à vontade.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bottom Ad [Post Page]

| Designed by Vinícius Irizaga