Arte

Emprego

Post Page Advertisement [Top]

Geladeira é lugar de alimento, certo? Nem sempre! Um projeto bem legal, desenvolvido no Colégio Caetano Bez Batti de Urussanga, prova que esses eletrodomésticos também podem ser o lar de livros!

Essa ação foi possível por meio da parceria entre a Duratex, por intermédio da marca Ceusa, e a escola. O projeto Geladeira Literária foi iniciativa dos alunos do segundo ano do Ensino Médio, na disciplina de Projeto de Intervenção. 
O objetivo foi criar espaços de leitura em locais públicos, aproveitando geladeiras já sem uso. As  geladeiras foram colocadas em duas praças do bairro da comunidade em que a escola está inserida. 
O projeto de incentivo à leitura incluiu campanha de arrecadação de livros e preparação das geladeiras. 

Foi nessa fase que a Duratex aderiu ao projeto, dando todo o apoio na criação da identidade visual aplicada às geladeiras. Além do desenvolvimento das artes pela colaboradora Bruna Borges, do departamento de Design da Ceusa, a empresa também apoiou o projeto com doação da plotagem das artes para o envelopamento das peças. O resultado foram estantes coloridas com frases criativas e de incentivo à leitura.

"Além do objetivo de incentivar a leitura, queremos aproximar as pessoas, proporcionar momentos de interação, comunicação e proximidade da comunidade com a escola", explica a professora Cinara Beterli, que coordena o projeto na escola, juntamente com o professor Alexander Perito. 

"Como necessitava reformá-las, optou-se pela plotagem, mas o valor era inviável, logo fizeram a proposta para a Ceusa, já que seria um projeto aplicável nas proximidades da empresa, contemplando também os funcionários, além de já saber do histórico da empresa de sempre apoiar iniciativas educacionais. Sendo assim, o trabalho continuou na escola com a seleção, e recuperação de alguns livros doados, confecção dos marca-páginas e catalogação dos livros. Também ficou criada uma rede social - Instagram @geladeiraliterariacaetano, para que a comunidade possa acompanhar o projeto", conta Sinara.

As geladeiras farão um roteiro itinerante. Um dos locais onde as geladeiras foram colocadas é a praça que fica ao lado da empresa, em Urussanga, onde os próprios colaboradores usam os livros do projeto para momentos de leitura.

*Com informações da Agência de Comunicação Novo Texto.
*Fotos: Bruna Borges/Ceusa/Duratex.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bottom Ad [Post Page]

| Designed by Vinícius Irizaga