Atleta de Slackline conquistou terceiro lugar no Mundial na Alemanha



O atleta Alexandre Fenali Macarini, de 16 anos, do projeto Mult Slackline “Pés na fita cabeça na escola”, da Multiplicando Talentos, conquistou o terceiro lugar, ao competir em dupla com o carioca Carlos Neto, no World Slackline Masters, no início de julho, na cidade de Munich, na Alemanha.



A competição reuniu os atletas renomados de vários países. Durante a permanência no país, o jovem, natural de Forquilhinha,  município da região sul de Santa Catarina, participou de outras competições e fez um best trick (melhor manobra) ficando em primeiro e dois quarto lugares. 

“Foi o maior campeonato de que já participei. A experiência que adquiri e trouxe na bagagem foi melhor que o resultado. Espero que venham oportunidades ainda pela frente, pois me preparei muito para ir ao Mundial e conseguir um bom resultado. Agradeço a minha técnica Jeanine, minha família e meus patrocinadores. O resultado da competição foi consequência, realmente o que valeu foi o conhecimento adquirido nessa viagem que mudou minha vida como atleta”, revela Xandi.   

A técnica Jeanine Miranda fala sobre a emoção em poder ver o atleta os três melhores do mundo. “Antes era um sonho que tornou realidade. Quando iniciamos com o projeto a Gibbon sempre foi à referência de uma marca. Os nossos alunos se espelhavam nos atletas que a representavam em competições. E poder participar de um mundial e estar entre eles foi sensacional. Nós voltamos com uma bagagem repleta de boas experiências e novos amigos. E ver o resultado do nosso trabalho com o nosso atleta disputando com nomes que são referência do esporte foi emocionante”, afirma Jeanine.

Para o presidente da Multiplicando Talentos, Eduardo Milioli, o bom resultado do atleta é em virtude de um excelente treinamento, determinação e acompanhamento de técnicas de Coach para aperfeiçoar suas manobras.

"O Alexandre é um atleta de grande potencial, determinado e que foca em resultados. Um jovem que prospecta uma carreira brilhante. O slackline ainda é um esporte pouco difundido no Sul do Brasil. Uma modalidade que requer do atleta muita concentração, determinação e equilíbrio. Nós da Multiplicando Talentos estamos convictos em estar no caminho certo, apostando e apoiando esportes como este e, com isso, agregar um grande número de jovens", finaliza. 

*Colaboração e fotos: jornalista Cris Freitas/Assessora de Comunicação.
Compartilhe no Google +

Sobre Vanessa Irizaga

O autor desta postagem é um dos escritores do site Mistura Alternativa. Gostou? Comente abaixo.